Tag Archives bem estar

DICAS NUTRICIONAIS PARA O INVERNO

por quarta-feira, julho 20, 2016

No post anterior eu falava que: “É no inverno que se constrói o corpo do verão!”. Hoje eu vim dar algumas dicas nutricionais de como potencializar a queima de gordura nessa estação e também algumas dicas para não cair na tentação daquelas comidas calóricas, cheia de gordura e de caloria vazia e que a propósito, tem muita gente que coloca o pé, a mão, o corpo inteiro nessa jaca.

A primeira dica para auxiliar na queima de gordura é optar por alimentos termogênicos. Eles tem o poder de acelerar o metabolismo, que somado ao frio dessa estação (como já expliquei no post anterior) pode auxiliar no emagrecimento. Mas atenção, é muito importante que aliado ao consumo desses alimentos você faça alguma atividade física (o resultado será melhor ainda). Exemplo desses alimentos são: o gengibre, a pimenta, canela, chá verde, cafeína, mostarda e guaraná (não o refrigerante), Não vale fazer isso tudo durante o dia e chegar a noite e se “empanturrar” de frituras, lanches e doces.

Outra dica é beber no mínimo 2 litros de água por dia. É comum no inverno as pessoas sentirem menos sede do que no verão, porém é muito importante manter a hidratação. Lembre-se que seu corpo só funcionará bem estando bem hidratado!

Para não cair na tentação de chocolates, bolos e tudo isso o que inverno faz você desejar procure evitar ter em casa esses tipos de alimentos. Uma boa opção de jantar no frio são as sopas de legumes (aqui tem uma receitinha), e aí você pode variar bastante nos vegetais, quanto mais colorida melhor. Use e abuse de temperinhos naturais como o curry, a cúrcuma (açafrão da terra) e chimichurri para dar o sabor final e você também pode usar folhas como agrião, espinafre e repolho para fazer a base da sopa mais leve!

Para os dias que bater aquela vontade louca por doce opte por chocolate acima de 70% cacau. Outros alimentos ajudam bastante nessa é o abacate com chia ou então vitamina de banana com leite vegetal e cacau. Fica uma delícia!

Enfim, enquanto suas atitudes e sua vontade de mudar não forem maiores do que seu comodismo, dificilmente seus resultados serão positivos! Mexa-se, cuide-se e alimente-se bem!

13633506_1081044945295458_970621808_o

 

0

EMAGRECER NO INVERNO É MUITO MAIS FÁCIL DO QUE NO VERÃO, DUVIDA? ME LIGA

por quarta-feira, junho 29, 2016

O inverno chegou, (e chegou com tudo) e com ele aquela vontade louca de consumir alimentos e bebidas super calóricos!

Você sabe porque isso acontece?

Nosso organismo, para se proteger do frio, acelera o metabolismo necessitando de mais energia [calorias] para manter o corpo aquecido, por isso é uma ótima época para iniciar um plano alimentar. Ao mesmo tempo o corpo tende a pedir alimentos mais calóricos, para suprir esse gasto de energia para nos aquecer, e é aí que o corpo tende a cair em tentação e o efeito é inverso na maioria das vezes. É nesse momento que devemos tomar cuidado com os exageros na alimentação e usá-lo a nosso favor.

Se soubermos utilizar o frio a nosso favor, podemos perder gordurinhas. Isso mesmo! Pois como nessa estação o nosso corpo perde calor para o meio ambiente facilmente, o organismo vai tentar manter a temperatura corporal constante, e com isso ele aumenta a produção de calor, acelerando o metabolismo e consequentemente o gasto calórico. Ou seja, se cuidarmos na alimentação e praticar exercícios físicos regularmente, teremos resultados positivos quando o friozinho passar.

E é aquela velha e boa frase: É NO INVERNO QUE SE CONSTRÓI O CORPO DO VERÃO! Então aproveita garota (o), vai lá, cuida dessa alimentação, usa o frio a teu favor e capricha na atividade física. Te garanto que o resultado vai ser ÓTIMO e quando o verão chegar não vais se arrepender.

Continua duviando? ENTÃO ME LIGA!Qualquer dúvida pode entrar em contato comigo pelo número que está ali em baixo. Na semana que vem vou dar algumas dicas de alguns nutricionais para auxiliar na “queima de gordura” e aquecer o corpo nesse inverno!

Beijos e um ótimo inverno a todos (as)! Cheio de disposição pra alcançar seus objetivos.

Izabella Imianovsky Nutricionista   Fone: (47) 9146-6060  Instagram:Izabellai

5

ALIMENTOS QUE REDUZEM A VONTADE DE DOCE

por quarta-feira, junho 15, 2016

E quem nunca sentiu aquela vontade louca por doces? Essa vontade, muitas vezes insaciável, pode ser causada por inúmeros fatores como a deficiência de vitaminas, minerais e de neurotransmissores, como a serotonina (o hormônio da felicidade que eu já comentei uma vez aqui). Esses hormônios e nutrientes atuam em reações no nosso corpo que estão ligadas ao controle da ansiedade e na sensação de bem estar. Assim, se estivermos com insuficiência de algum deles pode haver desequilíbrio hormonal e a instabilidade dessas funções, o que consequentemente leva à vontade por doces.

Existem alguns alimentos que são ricos em alguns desses nutrientes essenciais, como vitamina B6, B9, zinco, magnésio e que vão auxiliar o organismo a suprir suas necessidades. Exemplo desses alimentos são:  linhaça, pimenta, amêndoa, aveia, canela, banana, cravo, tâmara, ovo e grão de bico.

É claro que comer um desses alimentos isolado e ter uma alimentação toda desregrada, rica em alimentos refinados e hábitos de vida que não são saudáveis, não vai solucionar o seu problema com o chocolate ou qualquer alimentos doce. É muito importante você ajustar toda a sua alimentação e adquirir hábitos de vida saudáveis, como por exemplo praticando atividade física.

vontade de doce

Izabella Imianovsky Nutricionista   Fone: (47) 9146-6060  Instagram:Izabellai

2

JANTAR DO DIA DOS NAMORADOS: SALMÃO AO MOLHO SPICY

por domingo, junho 12, 2016

Como dia 12 está chegando, eu resolvi trazer uma receitinha para você preparar para seu namorado (a) nesse dia tão especial. Além de ficar uma delícia é uma opção super saudável e nutritiva, afinal quem ama cuida! A receita é de um salmão ao molho spicy acompanhado de um risoto de alho poró com abóbora.

SALMÃO AO MOLHO SPICY
Ingredientes:
450g de salmão
1 limão siciliano ou tahiti
4 colheres de sopa de gengibre ralado
1 xícara de chia
Sal marinho
1 colher de sopa de azeite de oliva
Chá verde
Pimenta dedo de moça
Sementes de gergelim
Abacaxi
Modo de preparo:
1- Prepare o chá verde (ferva 300ml de água e antes de chegar ao ponto de ebulição desligue o fogo e acrescente 2 colheres de sopa de chá verde e abafe por 6 minutos.
2- Marine o salmão no chá verde
Molho:
1- Adicione o abacaxi e 1 pitada de pimenta dedo de moça no liquidificador e bata por pouco tempo, para que ainda fique pequenos pedaços do abacaxi
2- Em uma panela acrescente o abacaxi batido com a pimenta. Deixando separado a quantidade de ½ de xícara (você vai utilizar depois). E cozinhe por cerca de 15 minutos, até ficar no ponto de geléia.
3- Quando a geléia de abacaxi estiver pronta adicione o abacaxi cru que você separou.
Salmão:
1- Com o salmão ainda marinando no chá verde, tempere com o gengibre e sal e reserve por 10 minutos.
2- Para fazer a crosta do salmão, coloque um pouco de gengibre ralado por cima. Misture o gergelim e a chia para “empanar” o salmão.
3- Pré-aqueça o forno, e asse por 20-30 minutos, aproximadamente.
Montagem do prato:
• Quando o salmão estiver assado, adicione a geléia de abacaxi com pimenta por cima e sirva!

RISOTO DE ALHO PORÓ COM ABÓBORA
Ingredientes:
Para a base do risoto:
1 abóbora cabotiá média
1 cebola média
½ maço de salsinha fresca
1 litro de água
2 colheres de sopa de gengibre ralado
Sal marinho
Pimenta do reino
Para o risoto:
400g de arroz cateto integral
1 cebola picadinha
1 a 2 alhos poros cortados finamente
4 colheres de sopa de azeite de oliva
Aproximadamente 1 litro de fundo de abóbora
1 xícara de vinho branco
Salsinha a gosto
Cebolinha a gosto
Noz moscada a gosto
Sal marinho
Modo de preparo:
Para fazer o fundo de abóbora: cozinhe um pouco a abóbora cabotia e bata no liquidificador com 1 cebola, salsinha e uma pitada de sal marinho.
Coloque o fundo de abóbora em uma panela ao fogo com 2 xícaras de água e adicione 1 cebola roxa e azeite de oliva e mexa. Depois acrescente o arroz cateto e mexa. Quando estiver bem aderido aos outros ingredientes adicione o vinho à preparação. Para que o arroz cozinhe, aguarde 30 minutos (mexendo sempre). Antes de terminar o cozimento do arroz acrescente o alho poró e continue mexendo. Para finalizar utilize uma pitada (1 colher de cafezinho) de sal marinho, noz moscada, cebolinha e a pimenta do reino.

Monte em um prato e decore com tomate cereja e salsinha. Para deixar ainda mais romântico seu jantar, decore a mesa com vela e corações vermelhos!

risoto e salmão 0

Feliz dia dos namorados!

Izabella Imianovsky Nutricionista   Fone: (47) 9146-6060  Instagram:Izabellai

1

SEM GLÚTEN E SEM LACTOSE

por quarta-feira, maio 4, 2016

Você já deve ter ouvido várias vezes sobre o famoso “sem glúten e sem lactose”. Mas afinal você sabe o que é o glúten? E a tal da lactose?

O glúten é a fração proteica dos grãos de trigo, cevada, centeio e aveia. l. No caso da aveia, a fração proteica é a avenina; na cevada, a hordeína e, no trigo, é a gliadina. Algumas pessoas apresentam problemas com o glúten, como é o caso da doença celíaca ou a sensibilidade ao glúten. Na doença celíaca o corpo rejeita a substância proteica do glúten e afeta o intestino delgado, diminuindo as vilosidades (importantes para a absorção dos nutrientes) e causando um processo inflamatório. Alguns sintomas são: diarreia crônica, inchaço e dor na barriga, anemia, desnutrição, entre outros. Já na sensibilidade ao glúten, o indivíduo apresenta sintomas parecido aos da doença celíaca, como gases, distensão abdominal (inchaço), dores e diarreia, porém as vilosidades não ficam comprometidas e não ocorre o processo inflamatório.

O principal tratamento é a dieta com total ausência de glúten; quando a proteína é excluída da alimentação, os sintomas desaparecem. É muito importante que pessoas portadoras da doença ou sensibilidade fiquem atento às fontes de glúten como os pães, bolos, bolachas, macarrão, coxinhas, quibes, pizzas, cervejas, whisky, vodka, etc.

Mas e se eu não tenho problemas com o glúten, posso comer? Há ainda muitas controvérsias e estudos que defendem e outros que não. Mas o que se sabe é que o glúten ao longo dos anos foi muito modificado, ficando bem diferente ao original e isso tornou-se uma preocupação para alguns médicos, nutricionistas e profissionais da saúde. Outro fator preocupante é que a dieta do brasileiro muitas vezes possui o glúten de manhã, de tarde e de noite, em todos os dias. Você acha que esse excesso todo de uma fração de proteína modificada pode não fazer mal? Pode ser que demore algum tempo, e, dependendo do estado nutricional no indivíduo pode afetar de alguma forma.

E a lactose?

2